quinta-feira, 20 de junho de 2013

Google prepara uma arma para acabar com a pornografia infantil na internet

A nova tecnologia cria uma base de dados
 Google anunciou a criação de uma ferramenta para centralizar todas as informações sobre imagens de pornografia infantil, de modo que essas imagens possam ser removidos de forma mais eficaz e definitiva. As informações já constam em um banco de dados coletados anteriormente por organizações de proteção as crianças. Esta nova tecnologia deve estar disponível dentro de um ano.

Até agora, um dos problemas para eliminar a pornografia infantil na Internet foi a falta de normas comuns. Conforme anunciado pelo The Telegraph, o Google vai permitir, pela primeira vez, que seus motores de busca troque informações com outras páginas para compartilhar informação sobre imagens marcadas como impróprias. 

Cada imagem detectada ficará marcada com uma impressão digital, através de uma tecnologia que tem sido muito utilizado pelo Google chamado de "hash". "Elas nos permitem identificar imagens duplicadas que podem existir em outro lugares. Cada uma gera uma impressão digital que nossos computadores podem reconhecer sem que humanos possam vê-las novamente", disse David Drumond, chefe do departamento jurídico do Google.

O Google também anunciou a criação do Fundo de Tecnologia de Proteção à Criança, cerca de 1,5 milhões de euros estarão disponíveis para programadores independentes afim de desenvolver ferramentas para o combate a pornografia infantil.